quarta-feira, maio 30

Doces semanas # 3


Sabe aquela sensação de pós tempestade, quando o céu fica azul, os ventos se acalmam, e os pássaros começam a cantar? É isso que estou sentindo nesse momento, parece que tudo de pior já passou, a vida começa se mostrar bela, enfim.
Eu já havia sentido tantos sentimentos ruins, que parecia que meu coração necessitava de um momento de calmaria. 
Foram tantos quases, tantas idas e vindas, tantas promeças e agora eu to tirando um tempo para cumpri-las.
É como se eu me sentisse com uma divida enorme no meu presente, parece que o passado de fato não passou, e que agora enfim, eu tenho que pagar essa dívida.
Cheguei a pensar que nunca isso podesse acontecer, mas enfim, é hora de colocar o trilho nos eixos.
É certo que essa calmaria não tarda, mas é engraçado o quanto nos tornamos mais preparados depois de cada tempestade, parece que criamos uma certa reação natural para ultrapassarmos as barreiras.
Hoje desejo mais que nunca realizar todos os meus sonhos, impulsionar essa maquina pensante, colocar todos os meus 1001 planos em ação.

Para se inspirar!

                     The Crane Wife 3 - The Decemberists

                          

0 comentários:

Postar um comentário