domingo, julho 13

A parábola do Invejoso




Uma serpente estava perseguindo um vaga-lume. Quando estava a ponto de comê-lo, o vaga-lume disse: "Posso fazer uma pergunta?" A serpente respondeu: "Na verdade nunca respondo a perguntas das minhas vítimas, mas, por ser você, vou permitir." Então, o vaga-lume perguntou: "Fiz alguma coisa a você?" "Não", respondeu a serpente. "Pertenço à sua cadeia alimentar?", perguntou o vaga-lume. "Não", respondeu a serpente de novo. "Então, por que você quer me comer?", perguntou o inseto. "Porque não suporto vê-lo brilhar".

A inveja é um sentimento milenar, desde a bíblia Deus tentava nos mostrar o quanto que esse sentimento é devastador.O invejoso pode passar horas reparado nos seus defeitos para poder se sentir melhor, ele pode minuciar em coisas que talvez você nunca imaginou que alguém repararia em você. Tudo isso porque ele não consegue imaginar que o outro tenha mais do que ele, o invejoso sofre com qualquer êxito do invejado e pode fazer com que todos odeiem o invejado para que assim ele possa se sentir melhor e no comando de tudo. 
Basta cada um de nós entender os sinais e tomar  nossa posição.  

O coração em paz dá vida ao corpo mas a inveja apodrece os ossos. Provérbios 14:30

1 comentários:

Gostei muito da reflexão Edna! A inveja é um sentimento complicado, pois não queremos ser invejados, mas se não protegermos nossos corações, até nós podemos cair nesse erro!
Eu procuro lutar e conseguir as coisas, do que querer algo dos outros!
Fé em Deus!
bjssss e bom fim de semana!

Postar um comentário