domingo, junho 4

Sensibilidade



   Refletindo aqui esses dias, embora faça muito tempo que não atualizo por aqui, vim escrever, uma das minhas maiores felicidades (assim sinto que posso por pra fora alguns pensamentos que persistem em mim), pois bem , refletindo sobre a alma humana, é engraçado como, enfim, nós ficamos mais velhos e aí, achamos que não vamos mais levar um tombo da vida, mas não é bem assim.
    O que tenho aprendido com os últimos "tombos" que a vida me deu é que nunca vamos estar preparados, sabe aquela falsa segurança de: agora ninguém me abala, mas sim, esteja ciente que algum dia você será traído pela vida.
   Num belo dia, você acorda e se pergunta "onde eu estava com a cabeça?", "logo eu, tão eu?"
aí vem o pior dos sentimentos: perdoar-se! aceitar que errou, entender que tudo passa, a vida segue e você precisa entender o fluxo das coisas.
   Mas, também, vem o bom de tudo, acordar neste belo dia que retratei lá em cima, e perceber que tua vida é maravilhosa, que tudo que tu tem foi preparado por Deus nos mínimos e cautelosos detalhes e dar valor e mais valor a quem te ama e se importa com você.
    Não é o fim do mundo, é apenas um momento de aprendizado, você poderá se tornar mais forte do que era, e tudo acontece com um proposito. Torna-te melhor do que era, se puderes torna-te melhor sempre, porque Deus cuida de nós!